quinta-feira, 3 de abril de 2008

"Saturnalia" - The Gutter Twins - 2008

Na mitologia grega, Midas recebeu como benção de Dionisio, o Deus do Vinho o poder de transformar tudo que tocasse em ouro. Mark Lanegan e Greg Dulli parecem ter recebido esse mesmo dom e ao contrário do personagem grego não sofrem nem um pouco com tal “maldição”. Os dois colocaram esse ano no mercado pela lendária Sub pop, sua estréia em dupla, intitulada “Saturnalia”. O nome do duo? The Gutter Twins, o que na definição de Dulli é uma espécie de "The Satanic Everly Brothers".

Mark Lanegan é um dos maiores cantores vivos do rock, sua voz poderosa urge desde o grunge com o seminal Screaming Tress, passando depois por Queens Of The Stone Age, uma parceria com Isobel Campbell, bons discos solo e mais recentemente no ano passado um ótimo disco com o Soulsavers. Greg Dulli foi líder do excelente Afghan Whigs e há alguns anos desembarcou com o não menos competente Twilight Singers.

Essa dupla que nos seus trabalhos anteriores nunca foi capaz de lançar algum disco ruim, não faria isso na hora em que trabalhassem junto, não é? “Saturnalia” é um disco poderoso, que combina as duas personalidades em uma alquimia musical que mergulha o rock americano (e suas vertentes) em um universo denso e pesado, onde os céus estão carregados de raios e trovões e o chão em que o caminho se segue não demonstra quaisquer belezas.

Contando com um terceiro membro não oficial, Mathias Schneeberger, o The Gutter Twins destila climas enquanto os vocais de Lanegan e Dulli se confundem e se alternam, no meio de guitarras, violões e efeitos que fazem referência ao rock alternativo dos anos 80, ao próprio grunge e ao post-rock, com algumas pitadas de blues e folk aqui e acolá. Faixas como “God´s Children”, “The Body”, “Seven Stories Underground” e “I Was In Love With You” por si só já valeriam o registro.

Mais um ótimo trabalho na carreira desses dois incansáveis artistas e que venha sempre mais e mais desses pequenos toques de ouro.

Site Oficial:
http://www.theguttertwins.com
My Space: http://www.myspace.com/theguttertwins
Resenha de Lanegan com o Soulsavers e com a Isobel, aqui e aqui.

2 comentários:

2T disse...

É, jovem...
Você foi a primeira pessoa que me fez ouvir o Mark Lanegan. Me senti obrigado a fazer download logo após o começo de Stations...
Já conhecia pelo Queens of the stone age, mas... uau!

Vou add o seu blog! Pegando outra recomendação sua, a banda espanhola lá...
Abç

Adriano Mello Costa disse...

Olha...que bom. :)
O Lanegan tem um trabalho fascinante, procure a fase do Screaming Tress, vais gostar.
Abs.